Garimpos do Netflix || Jane the Virgin

jane-the-virgin_poster
Compartilhar:

Jane the Virgin é uma série americana, inspirada na novela venezuela Juana la Virgen, de 2002. Uma forma de fazer referência à novela é a origem da matriarca da família,  a  abuela  Alba Villanueva (Ivonne Coll) é venezuelana e foi para os EUA tentar uma nova vida. Na América constituiu  família, assim como  muitos latinos que vivem por lá, porém a abuelita é um imigrante ilegal e vive com medo de ser deportada.

Jane Villanueva (Gina Rodriguez) é neta de Alba Villanueva, mora em Miami, é estudante, trabalha no hotel Marbela, é noiva de Michael Cordero (Brett Dier) e mora com sua avó e mãe Xiomara (Andrea Navedo), além de adorar assistir novelas. Até aqui uma vida normal, mas tudo muda no dia em que vai ao consultório da doutora Luisa Alver (Yara Martinez). Era para ser um exame de rotina, mas a Dr. Luisa estava decepcionada com sua namorada e faz um erro médico: insemina os espermatozoides do irmão, Rafael Solano (dono do hotel Marbela) em Jane, entretanto eram para a próxima cliente, Petra Solano (Yael Grobglas), sua cunhada.

A partir desse fato a história começa com os altos e baixos do hotel Marbela, assim como o triangulo amoroso que forma entre Jane, Rafael e Michael. Outro ponto forte da história é a revelação do pai de Jane, porém o destaque vai para o mistério para saber quem o criminoso Sin Rostro.

Roteiro

A história é muito original, afinal uma mulher virgem que engravida é uma situação estranha, poderia até ser considerado um milagre, mas nesse caso é um erro médico, daqueles grotescos. Entretanto, a história não para aí, as chamadas histórias secundárias dão ritmo e curiosidade em assistir um episódio atrás do outro. Outro ponto positivo do roteiro é o dramalhão no melhor estilo novela mexicana, com triângulo amoroso, descoberta da identidade paterna, vilã caricata, um criminoso a solta que assusta todos, poucos personagens e poucas cenas externas.

Atuações convincentes

Os personagens são bem definidos, portanto faz com que os atores sejam bem convincentes. Óbvio que Gina Rodriguez, a protagonista e Jaime Camil, conhecido por seus personagens em A Feia mais Bela e Por ela sou Eva, novelas que passaram no SBT, se sobressaem. Ela por ser a protagonista. Ele por viver Rogélio, um ator de novela (da qual Jane e sua família ama) super vaidoso, egoísta e prepotente, mas que começa a mudar quando inicia o relacionamento com sua filha Jane.

rorgelio-de-la-vega-jane-the-virgin

Rogélio e Jane / Divulgação/ The CW

Não desistir do que acredita

Esse item é por conta de Xiomara, mais conhecida como Xo, quando era adolescente e descobriu que estava grávida de Jane, contou para o Rogélio, ele sugeriu que ela abortasse a criança porque ele não podia desistir do sonho de ser ator. Ela por sua vez, insistiu e deu à luz a  Jane, mas sem desistir do seu sonho, ser cantora. Aliás seus sonhos são bem peculiares, o primeiro conhecer Paulínia Rubio e segundo ser cantora. Xo mostra que não podemos desistir do que acreditamos e faz isso com maestria, apesar de ser cômica em diversas situações.

Heroína

Jane tem espírito de heroísmo à la Deadpool, com piadas e tiradas certeiras, principalmente com Rogélio. Desde criança ela ajuda a resolver os conflitos dentro de casa, pois quando sua mãe e sua avó brigavam ela escrevia cartas de desculpas em nome das duas. Entretanto, ela não consegue usar isso em favor de si, o que a deixa mais engraçada, seus momentos de nervosismo são regados das piadas de humor negro.

Figurino

Sim! Vamos falar de figurino, apesar de não ser o foco do blog, mas temos que comentar que olhando o figurino até parece que a série passa em qualquer país da América Latina, mas por um motivo óbvio a série se passa em Miami, lugar com clima parecido com nosso.

A segunda temporada não deixa a desejar, primeiro porque Jane enfim casa-se (ALERTA SPOILER) com Michael, mas tenta viver uma relação amigável com Rafael por causa do bebê. E você pensou que o triângulo amoroso acabou? Nada, Rafael não desistiu de Jane (ainda). Ah! Ainda terá a participação de Britney Spears, algo que já foi recorrente na primeira temporada que teve Paulínia Rubio, David Bisbal e outras estrelas latinas.

alba-jane-xo-casamento

Alba, Jane e Villanueva / Divulgação/ The CW

jane-michael-casamento

Michael e Jane / Divulgação/ The CW

O elenco já admitiu algumas vezes que não tinham muitas expectativas quanto a série, a Warner já garantiu sua renovação até a 3a temporada. O Netflix já disponibiliza a primeira temporada completa. O Lifetime, canal a cabo, exibe as quintas-feiras às 22h30. Em 2015, a atriz Gina Rodriguez ganhou o prêmio de Melhor Atriz em Série de Comédia no Globo de Ouro.

Maria Helena Sobrinha – que já escreveu publicações em Cinefilando.


Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*